quarta-feira, 10 de agosto de 2016

Ao terminar o banho, a cozinha fica com cheiro de queimado. Por quê será ?

Olá nobres amigos e iluminados leitores do Blog do Gilson Eletricista.

Cliente relatou que sempre que terminava de tomar um banho, aquecido por chuveiro elétrico, a cozinha ficava com cheiro de plástico queimado.

O fogão estava desligado.

Pelo telefone alertei que os fios no Quadro de Disjuntores estavam queimando e era dali que o cheiro se espalhava pela cozinha.

Ela informou que mandou trocar todos os fios antigos rígidos por modernos cabos flexíveis da marca Prysmian.

O rapaz que fez a troca de toda a fiação pediu 4 rolos de 2,5mm².

Achei estranho, porque a fiação mínima para qualquer chuveiro elétrico é de 4mm² à 10mm², dependendo da potência e da tensão de funcionamento.

Ao abrir o Quadro de Disjuntores, encontrei uma emenda estourada.

A emenda apresentava sinais de oxidação por zinabre (aspecto esverdeada).

Os novos cabos flexíveis na cor vermelho saindo dos disjuntores e na cor preta para os neutros.

Segui os fios do circuito do chuveiro, que foram prolongados com 2 cabos flexíveis e emendados no antigo fio rígido na cor verde.

Estas emendas estavam por trás dos novos cabos.

Mostrei para a cliente que àqueles 2 fios não foram trocados, por algum motivo.

Peguei uma escada e retirei um plafonier de PVC no teto da cozinha, pois neste ponto todos os fios passavam para outros cômodos.

A puxar as emendas para fora da caixa de luz, vi que os novos cabos flexíveis estavam emendados nos antigos fios rígidos.

Ou seja, o instalador só havia trocado os fios do teto da cozinha até o Quadro de Disjuntores.

Não entendi por quê não trocou os 2 fios do chuveiro.

Amarrei 2 cabos flexíveis de 6mm² e puxei para o teto, utilizando os fios antigos como guias.

Os fios vieram facilmente.

Mostrei para a cliente e informei que estes novos cabos seriam emendados aos antigos.

Para levar estes cabos até o banheiro social os fios rígidos antigos deveriam ser trocados por novos cabos flexíveis, para liberar espaço no eletroduto de 3/4¨.

Eu costumo passar os circuitos elétricos sem emendas até a caixa de luz do cômodo.

Só haverão emendas de ¨derivação¨ e não de ¨prolongamento¨ nas caixas de luz do teto.

Com isto serão eliminadas possíveis perdas e o interior da caixa de luz não ficará socada com muitas emendas grossas.

Mas, voltando ao instalador contratado, além de não trocar os fios antigos, ainda levou os 3 rolos com 100 metros cada.

Dicas:
- Peça para que sempre ao final de cada dia seja mostrado os fios antigos retirados.

- Contrate outro eletricista para supervisionar o andamento dos serviços, caso este instalador seja desconhecido ou encontrado nas calçadas da rua.

- Dê preferencia em contratar eletricistas indicados por parentes, amigos e lojas comerciais.

- Um orçamento mais barato nunca terá a qualidade de um orçamento mais caro.

- Leia outras importantes dicas em Review: Dicas para contratantes e contratados







Autor do texto e das fotos: Gilson Carlos Pessanha

MyFreeCopyright.com Registered & Protected

Siga me no Google+ Gilson Carlos Pessanha