sexta-feira, 21 de novembro de 2014

Elétrica para uma banheira de hidromassagem

Olá amigos e leitores do blog do Gilson Eletricista.

Cliente resolveu reformar um dos banheiros e instalar, alem do box, uma banheira de hidromassagem.

Como funciona uma banheira de hidromassagem ?
Uma banheira de hidromassagem é feita em fibra de vidro e poderá ter vários formatos: oval, redonda, quadrada, retangular, etc...

As mais compradas são no formato redondo.

Você enche a banheira com água fria ou quente e ao acionar um botão, a bomba de água que fica localizada abaixo da banheira, lançará jatos de água pressurizada, ao redor do corpo submerso.

O turbilhão de água irá massageando várias partes do seu eletrizante e sexy corpo.

10 ou 15 minutos deste tipo de massagem + uma música ambiente + uma taça de vinho, te deixará novinha  e renovada.

O circuito elétrico e os dispositivos de segurança ?
O circuito elétrico deverá vir diretamente do Quadro de Luz.

Neste circuito, as fiações elétricas foram de 2,5 mm² + Terra de 2,5 mm².

Para a proteção das fiações foi exigida um disjuntor bipolar de 20A - Classe C - Din.

Para a proteção das pessoas que forem utilizar a banheira, foi exigido um DR monopolar de 20 a 25A.

Como a alimentação do circuito da banheira é comandada por um interruptor, foi exigido um interruptor duplo de 15A.

Para quê tantas exigências de segurança ?
É a atual Norma que exige para áreas úmidas, circuitos exclusivos com DR.

E se a minha sogra entrar no banheiro e jogar um rádio ligado dentro da água da banheira ?
Esta era uma cena dos filmes de mistério de antigamente.

Atualmente, no momento que o rádio atingir a água da banheira o DR, desarmará o circuito elétrico e nada acontecerá.

Missão dada é missão cumprida.
O Quadro de Luz ficava situado na área de serviço.

O apartamento tinha rebaixamento de teto de gesso em todos os cômodos.

Para passar as fiações elétricas até o banheiro de trás, todos os tetos teriam de ser cortados.

Isto causaria uma imensa obra.

Recomposição do teto e pintura de todos os tetos.

A arquiteta responsável pela reforma do banheiro, sugeriu (mandou) que as paredes da área de serviço fossem cortadas com Maquita, junto ao teto e portal.

E pelo lado de fora do apartamento, externamente fosse instalado um cabo PP 3 x 2,5 mm² até o rebaixamento de teto na parede do banheiro.

Como o cabo PP é um cabo robusto e que pode ser exposto ao tempo, assim foi feito.

Os cortes foram fechados com gesso e os azulejos quebrados seriam substituídos e em seguida todos seriam pintados com tinta epóxi.


Este é o Quadro de Luz localizado na área de serviço.



E esta é o martelete que aprofundará os cortes feitos pela Makita. 



Os dois pequenos Quadros com Disjuntor e Dr serão instalados acima e a esquerda, pois ao redor haviam conduítes e eletrodutos, em todas as direções.


Os cortes seguirão rente ao teto após contornarem o portal de granito.

O banheiro está logo após esta janela de outro banheiro.



O aprofundamento na parede da área, acabou por estourar a parede da cozinha.



O caminho está preparado para receber e alojar o cabo PP.




O cabo PP entrou por fora da parede, dentro deste rebaixo de gesso, onde , também instalei 4 pontos com Dicróicas Led de 6W (= Dicróica Halogena de 60w) na cor branca 6.500 ºK.


                      Nesta parede será feita uma textura em outra cor.



Autor do texto e das fotos: Gilson Carlos Pessanha              MyFreeCopyright.com Registered & Protected


Visite e curta a minha página no facebook.com/GilsonEletricista





Nenhum comentário:

Postar um comentário