domingo, 3 de janeiro de 2016

Os novos medidores eletrônicos residenciais de Luz

Olá nobres amigos e iluminados leitores do Blog do Gilson Eletricista.

Toda situação ruim, sempre poderá ficar pior...

Peço desculpas aos milhares de leitores do Blog, que não são eletricistas ou técnicos, pela utilização de muitos termos técnicos neste post.

Mas, vou tentar explicar o inexplicável...

Este novo medidor está substituindo, em todo o Brasil, os antigos medidores analógicos com ponteiros e os digitais.


Em várias localidades da cidade do Rio de Janeiro, eles já foram trocados.


Em novas edificações, ele já é instalado por Norma.


O quê acarretará nas contas de Luz, este novo medidor ?
Contas muito mais altas do que as atuais e multas para as unidades que não corrigirem o baixo Fator de Potência de suas instalações elétricas.

Comentário Pessoal:
Segundo o atual decreto da ANEEL (Agência Nacional de Energia Elétrica), os consumidores residenciais do Grupo B, estão isentos da cobrança da energia reativa e só serão cobrados pelo consumo da energia ativa.

Aguardem, que isto breve será mudado e todos pagarão...

Este novo medidor possibilitará o registro mais preciso do Consumo de Energia Elétrica.

Mas, o que são a Energia Ativa e a Energia Reativa.

Não irá demorar muito, para que toda a população conheça o significado destes termos, que virão expressos em suas faturas e Contas de Luz.

Energia Ativa:
É aquela que pode ser convertida em outra forma de energia, expressa em quilowatts-hora-trabalho (kWh), responsável pela movimentação ou funcionamento de aparelhos e equipamentos elétricos em geral.

Energia Reativa:
É aquela que circula entre os diversos campos elétricos e magnéticos de um sistema de corrente, expressa em quilovolt-ampère-reativo-hora (kVArh), ou seja, é aquela que não produz trabalho, mas é importante para criar o fluxo magnético das bobinas dos motores, transformadores, geradores, lâmpadas eletrônicas e lâmpadas Leds, entre outros equipamentos.

Observação:
Alguns equipamentos elétricos precisam de Energia Ativa (medida em kWh) e energia Reativa (medida em kVArh) para seu perfeito funcionamento.



Apesar de necessária, a utilização da Energia Reativa deve ser limitada ao mínimo possível, pois o excesso de Energia Reativa causa um baixo Fator de Potência na unidade consumidora (residência), exigindo condutores elétricos de maior seção e transformadores elétricos de maior capacidade.

O quê é Fator de Potência ?
O Fator de Potência é o valor que indica o quanto da Energia Total (Energia Aparente) usada na unidade consumidora (residencial) foi efetivamente consumido como Energia Ativa (kWh).

Valores altos de Fator de Potência (próximos a 1) indicam que está sendo utilizada pouca Energia Reativa em relação à Energia Ativa, garantindo o uso racional da Energia Elétrica.

Já os valores baixos de Fator de Potência (abaixo de 0,92) indicam que há excesso de Energia Reativa.

O cálculo do Fator de Potência é realizado utilizando as Energias Ativa e Reativa, conforme a equação matemática abaixo:


Como corrigir o baixo Fator de Potência ?
Esta preocupação atualmente é só para os consumidores do Grupo A (industrias, fábricas) e condomínios, lojas e grandes consumidores residenciais do Grupo B (grandes casas, mansões, hotéis e pousadas), breve será a preocupação de todo o povo Brasileiro.

No caso de lâmpadas eletrônicas ou Leds, só comprar com Fator de Potência de 0,92.

No caso de eletro-eletrônicos. só comprar os com classificação PROCEL¨A¨.

Para outros casos, será necessária a instalação de capacitores ou banco de capacitores.

O quê são capacitores ?
Os capacitores são dispositivos instalados para armazenar a Energia Reativa, fornecendo-a para o adequado funcionamento do equipamento elétrico com baixo Fator de Potência.

Uma forma econômica e racional de se obter a Energia Reativa é a instalação de Bancos de Capacitores, próximos a esses equipamentos.




Dica para eletricistas:
Se você é um Eletricista Qualificado, invista na compra de um Wattímetro.




Você medirá diretamente na rede elétrica de seu cliente, o Fator de Potência, as Potências Ativas e Reativas e até a quantidade de Harmônicas presentes na rede.

Breve, milhões de consumidores residenciais do Grupo B, verão suas contas de Luz, aumentarem ¨Mais do que nunca¨, como costuma falar o apresentador da Tv Fausto Silva e os eletricistas residenciais e prediais serão muito procurados para a Correção do Fator de Potência...

Sejamos Proativos e não Reativos...

E já que o TEMA do Post é Luz...

Dica:
Para curtir este lindo Louvor, vá até a lateral direita do Blog e pause o Tocador da Rádio anjo de Luz.





Texto e fotos colhidas na Internet


                         Siga me no Google+ Gilson Carlos Pessanha

Um comentário: