terça-feira, 12 de abril de 2016

Como localizar um conduite e fiações elétricas em caixas de passagem ?

Olá nobres amigos e iluminados leitores do Blog do Gilson Eletricista.

Quando se faz necessário a troca de fiações elétricas em um condomínio residencial, 3 etapas serão necessárias:

Primeira etapa:
Localizar as caixas de passagem nos corredores e no teto do PC de Luz.

Aguns antigos prédios possuem uma caixa de 3 em 3 andares e o PC de Luz no térreo.

Nos mais modernos, uma caixa em cada andar e o PC de Luz no mesmo andar.

Em quase todos eles as fiações são da mesma cor e não há nenhuma identificação nas caixas de passagens, indicando o número do apartamento ou loja comercial.

A primeira caixa de passagem é a maior de todas.

Se houver 8 apartamentos por andar e o prédio tiver 21 andares, nesta primeira caixa haverão 168 caixas de passagem com fiações monofásicas, bifásicas e trifásicas.

Este trabalho de identificação poderá levar horas e até dias...

Como identificar estas fiações e conduites em menos de 10 segundos ?

Dica: 
Utilizando um Gerador de Tom e um Seguidor de Tom.






As fiações não podem estar energizadas.

Desligue um par de fios Fase e Neutro ou Fase e Fase no Quadro de disjuntores.

Desligue o disjuntor Geral no Pc de Luz.

Coloque as Garras do Gerador de Tom e qualquer um dos extremos e vá procurando com o seguidor.

Ele captará o Tom da frequência de 60 hz em quase todos os locais, porém ao localizar o par certo, ele emitirá um som tipo Sirene de Bombeiro.






O seguidor de Tom, consegue detectar o tom do Gerador, mesmo por fora do conduíte.

Este Tom se propaga até 400 metros de distância, pelas fiações.

Nunca testei com distâncias maiores que 70 metros, mas segundo o fabricante deve funcionar.

Dica:
Este mesmo processo, poderá ser feito para localizar cabos de Net, cabos de antena coletiva, fiações de telefones, interfones, etc...

Sempre lembrando que não podem estar energizados com Tensões Alternadas ou Contínuas.

Segunda etapa:
Esta é a etapa pesada, braçal, brutamontes, ou Osso.

Trocar as fiações antigas ou passar de 2 fios para 4 fios.

Quando o trecho é uma prumada reta, é mais fácil.

Quando existem trechos em curva e no formato S é mais difícil.

Dica:
Duas técnicas poderão ser utilizadas.

Você emenda os fios novos nos fios velhos e puxa.

Você emenda arames finos de aço nos fios velhos e após os fios novos nos arames guias.

Dica:
Mesmo uitilizando luvas, puxe os arames de aço com um alicate de pressão, porque em caso do arame travar, sua mão poderá ser cortada, até o osso.

Em qualquer uma delas, é muito importante diminuir o atrito nos antigos eletrodutos de ferro, que normalmente estão oxidados por dentro.

Para isto, utilizando um funil e uma mangueira fina de 3/8¨, despeje 1 ou 2 potes de vaselina líquida no eletroduto que vai para baixo.




Em seguida, nos cabos novos e flexíveis, aplique bastante vaselina sólida, a medida que eles forem sendo tracionados.

Dá para uma pessoa fazer isto só ?

Dá, mas terá de subir e descer inúmeras vezes, de caixa para caixa, para ajeitar os cabos e passar vaselina sólida.

Com ajudante é mais rápido ?

Sim.

Lembrando que existem ajudantes e ajudantes...

Terceira etapa:
Receber o pagamento e tirar o pó da garganta...







      Autor do texto, das fotos e do vídeo: Gilson Carlos Pessanha       MyFreeCopyright.com Registered & Protected     


Siga me no Google+ Gilson Carlos Pessanha

Um comentário:

  1. olá boa moite...preciso de ajuda para montar um projeto de 200A light

    ResponderExcluir